quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Qualidades de Jó

Esse livro esta classificado dentro do grupo de livros poéticos da Bíblia. Como é possível unir a poesia com o sofrimento?
Jó é o personagem principal do livro acompanhado de alguns “amigos”.

Jó 1:1 Havia um homem na terra de Uz, cujo nome era Jó; e este era homem sincero, reto e temente a Deus; e desviava-se do mal.

A terra de Uz foi possivelmente um povoado que se encontrava na região araméia que ia até o sudeste da Palestina.

Um homem chamado Jó. Seu nome tem alguns significados: O perseguido, odiado. Aquele que sempre regressa a Deus. Aquele que chora. Parece ser que seu nome estava mesmo relacionado com sua vida.

Você pode também passar por provas e chorar, ser odiado ou perseguido e as provas da vida podem até te afastar de Deus devido às fraquezas, mas creio que sempre você se voltará a Deus novamente.

Quem era Jó? Lembre-se que o que somos, reflete no que fazemos.

A.    Sincero.

Nos relacionamentos, no mundo dos negócios e até no mundo sem Deus se exige sinceridade.
Só podemos ser sinceros com os demais, quando somos sinceros conosco mesmo.

B.    Reto.

A retidão anda de mãos dadas com a sinceridade; ambas são amigas inseparáveis.
A pessoa reta não se desvia para a esquerda nem para a direita, luta sempre para manter-se no caminho certo não permitindo influências que a leve para o mal. 

C.     Temente a Deus.

Em Provérbios 9:10, diz que o temor ao Senhor é o princípio da sabedoria.
Há diferença entre a pessoa inteligente e a sábia. Inteligência se adquire desenvolvendo o intelecto através do estudo e sabedoria se adquire desenvolvendo um relacionamento pessoal com Deus.

O temor a Deus, ajudava a Jó a não errar tanto e unido com a sinceridade e a retidão, ele era levado a desviar-se do mal.

D.    Desviava-se do mal.

Provérbios 22:3 diz que o sábio ou prudente prevê o mal e esconde-se desviando-se dele.

Jó era um exemplo a seguir e sua história nos leva a perguntar para nós mesmos como está a nossa sinceridade, retidão, temor a Deus e desvio do mal.
Como tomamos nossas decisões na vida, como nos relacionamos com Deus e com as pessoas, vão refletir se temos esses quatro aspectos da vida de Jó ou não.

Termino esse pensamento de hoje perguntando o seguinte: As provas da vida nos capacita ou somos capacitados para enfrentar as provas na vida? Outra pergunta: As provações forma nosso caráter ou simplesmente manifesta o que temos?

Sendo capacitados com esses quatro elementos que encontramos em Jó, teremos a capacidade de passar pelas provas da vida, considerando que mesmo assim estaremos expostos a errar.

Que o Senhor nos ajude a sermos sinceros, retos, tementes e sábios.
Atualmente, Deus ainda pode dar testemunho para Satanás de nós como fez com Jó?

JLS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

22 de Maio - Dia do Abraço