terça-feira, 26 de junho de 2012

Convertendo-se ao Senhor e à Sua Palavra


Lamentações 5:21
Converte-nos a ti, Senhor, e seremos convertidos; renova os nossos dias como dantes;

Quando eu era pequeno, minha mãe colocava a comida em meu prato. Eu olhava e normalmente havia algo que eu não gostava e não queria comer.

Minha tentativa era convencer minhas irmãs de que elas aceitassem o que eu não queria comer sem minha mãe e meu pai verem. Normalmente não dava certo.

Algumas vezes tentava esconder a verdura ou o que eu não gostava no bolso do meu calção. Mais tarde minha mãe descobria.

Quantos de vocês fizeram isso também?

Hoje entendo que tudo o que minha mãe colocava na mesa era bom para mim.
Hoje posso dizer que como de tudo o que se coloca na mesa sem problemas pois cresci e entendo que faz bem para minha saúde; o tempo de criança passou.

O que quero dizer com isso?
Quero fazer uma comparação com a Bíblia.

A Bíblia tem 66 livros o que podemos imaginar como uma grande mesa com 66 pratos.
Se somos crianças na fé, vamos querer uns e desprezar outros.
Salmos e evangelho de João, são nossos preferidos.
Para muitos Levítico ou Lamentações, não querem chegar nem perto.

O que acontece com os que querem ler a Bíblia, mas lerem somente o que “gostam de ler”? Deixam de aprender muitas coisas importantes e deixam de crescer na fé.

Nessa semana terminamos de ler os livros de Jeremias e Lamentações. Faz parte do “cardápio bíblico”. Aprendemos muito das prisões e sofrimentos de Jeremias, do caos do povo por terem abandonado a Deus e das lamentações do profeta.
Tiramos lições para nós e nossa atualidade e realidade do que passamos.

Animo a você ler toda a Bíblia e mesmo nos livros mais "complicados", Deus tem uma palavra para seu coração.

Precisamos deixar as coisas de meninos (a) e começar a agir como adultos na fé. Para isso podemos usar a palavra "conversão" que é a mudança de forma ou qualidade. 

Que o Senhor nos ajude a converter-nos a Ele cada dia e ler sistematicamente, amar e aprender de Sua Palavra.

JLS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Lucas, um cristão comprometido